News

Banca de QUALIFICAÇÃO: DORIELSON DO CARMO RODRIGUES GAIA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: DORIELSON DO CARMO RODRIGUES GAIA
DATA: 28/12/2018
HORA: 12:00
LOCAL: Sala 004 - Prédio Orlando Cassique - campus Cametá-UFPA
TÍTULO:

O Ensino Médio Integrado no Pará como Política Pública: Da Concepção à Implementação no Centro Integrado de Educação do Baixo Tocantins/Cametá


PALAVRAS-CHAVES:

Ensino Médio Integrado, Educação Profissional, Cametá


PÁGINAS: 117
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
RESUMO:

A presente pesquisa, intitulada O Ensino Médio Integrado no Pará como Política Pública: Da Concepção à Implementação no Centro Integrado de Educação do Baixo Tocantins/Cametá, aborda a maneira como se efetivou na prática o Ensino Médio Integrado no Estado do Pará via Secretaria de Estado de Educação – SEDUC/PA. É uma pesquisa vinculada ao Programa de Pós-Graduação em Educação e Cultura da Universidade Federal do Pará, do Campus Universitário do Tocantins/Cametá/UFPA e tem como objetivo geral analisar como a SEDUC, a partir de 2008, com a criação da REDE ESCOLAS DE TECNOLÓGICAS DO PARÁ, implementou essa forma de oferta do Ensino Médio no Estado. Nosso Lócus de pesquisa é o Centro Integrado de Educação do Baixo Tocantins em Cametá, escola que integra a referida rede. Para isso buscaremos explicitar como as diretrizes e princípios norteadores que fundamentam o ENSINO MÉDIO INTEGRADO foram e são trabalhados no CIEBT, em seguida, investigamos as dificuldades enfrentadas pela COORDENAÇÃO DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL (COEP) na gestão da política de ensino médio integrado junto à SEDUC e como elas foram determinantes para o avanço ou impedimento do que havia sido planejado. Por último analisamos a experiência do CIEBT/CAMETÁ no contexto da REDE DE ESCOLAS TECNOLÓGICAS DO PARÁ, considerando o formato que assume em relação às orientações gerais, a fim de identificar o que lhe é particular nessas condições adversas da Amazônia Tocantina. Buscamos, portanto, responder sobre o processo de implantação do EMI na Secretaria de Estado de Educação/Pará – SEDUC/PA, responsável pela condução da política de ensino médio no Estado. O aporte teórico para a tessitura deste trabalho pauta-se em autores que têm trazido significativas contribuições para o estudo da temática em questão, como: Marx (1973), Mészaros (2005, 2008), Saviani (2011), Ciavatta (2005), Frigotto (2003, 2005, 2010), Ramos (2005), Haddad (2008), Machado (2007), Manacorda (2007), Araújo (2010), Araújo e Rodrigues (2011), Gramsci (2001), Saviani (1987, 2006), Kuenzer (1997, 2002, 2007), Frigotto, Ciavatta e Ramos (2003, 2005, 2009) que estudam conceitos de Ensino Médio Integrado, Educação Politécnica, Educação Omnilateral, Formação Básica e Unitária). A metodologia utilizada foi o materialismo histórico dialético por se entender, por um lado, a necessidade da apreensão de um conjunto de contradições que podem apontar para a análise crítica do processo de implementação de um conjunto de políticas Públicas implantadas por governos populares, por outro, a apreensão dessa compreensão só é possível a partir da compreensão da realidade concreta que ocorre em um movimento de ascensão da aparência para a essência (KOSIK, 2002). Nosso ponto de partida foi trazer à baila das discussões a conceituação de Estado (CARNOY, 1986 e POULANTZAS, 1997), críticas a escola reprodutivista (WOOD, 2001, FRIGOTTO, 2003 e AZEVEDO, 2001), políticas públicas (BONETI, 2001), as primeiras aproximações da Educação profissional no Brasil (RAMOS, 2011, SAVIANI 2014, MOURA, 2007, FREITAG 1986) e o resgate do histórica recente do Ensino Médio Integrado no Brasil e no Pará (KUENZER, 2007/2009, FRIGOTTO, CIAVATA e RAMOS, 2005, MOURA, 2007, BRASIL, 2007, PARÁ, 2007/2008/2009/2010, Decreto Federal nº 2.208, 1997 e Decreto Federal nº 5.154, 2004). É uma pesquisa de abordagem qualitativa, onde o objeto de pesquisa não é neutro, mas está sujeito a interpretações a partir do olhar do pesquisador, o qual é “parte integrante do processo de conhecimento e interpreta os fenômenos, atribuindo-lhes um significado” (Chizzotti, 2009, p. 79). Os procedimentos adotados para esta pesquisa serão, não necessariamente nesta ordem: Revisão da Literatura, Levantamento e Análise Documental e Pesquisa de Campo. O levantamento bibliográfico compreenderá a busca e estudo de livros, artigos, teses e dissertações, tendo por base as seguintes fontes: revistas científicas, anais de eventos reconhecidos nacionalmente, livrarias, bibliotecas digitais, publicações de Grupos de Estudos e Pesquisas sobre o tema, entre outros (MINAYO,1994). Os sujeitos desta pesquisa serão professores, técnicos pedagógicos, gestores escolares que passaram pelo CIEBT no período de 2008-2018, técnicos e gestores da COEP/SAEN – COORDENAÇÃO DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL/ SECRETARIA ADJUNTO DE ENSINO SEDUC/PA. 


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 2555964 - DINAIR LEAL DA HORA
Interno - 2321894 - DORIEDSON DO SOCORRO RODRIGUES
Presidente - 2190546 - GILMAR PEREIRA DA SILVA
Notícia cadastrada em: 18/12/2018 11:07
SIGAA | Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação (CTIC) - (91)3201-7793 | Copyright © 2006-2024 - UFPA - bacaba.ufpa.br.bacaba1