News

Banca de QUALIFICAÇÃO: ROSINELIS BAIA CORREA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ROSINELIS BAIA CORREA
DATA: 04/10/2018
HORA: 14:30
LOCAL: campus cameta - Prédio Orlando Cassique
TÍTULO:

APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA: A Relação Professor-Aluno em Carl Rogers e Paulo Freire


PALAVRAS-CHAVES:

Aprendizagem Significativa. Carl Rogers. Paulo Freire. Relação professor-aluno.


PÁGINAS: 90
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
RESUMO:

Este estudo consiste em uma pesquisa teórica que busca interpretar as concepções de Carl Rogers e Paulo Freire apresentando-se dentro dessas propostas o sentido de uma Aprendizagem Significativa, tomando como fundamental nesse processo a relação professor-aluno. Nesse sentido, são desenvolvidas comparações e reflexões sobre a Abordagem Centrada na Pessoa e a Pedagogia do Oprimido, que configuram as matrizes conceituais elaboradas pelos citados autores, respectivamente. Além de pontos que aproximam e distanciam as duas teorias enfatiza-se o quanto são complementares no campo educacional. Pois, a escola tem um grande desafio no mundo contemporâneo onde as relações humanas encontram-se afetadas, predominando as relações de poder, que oprimem e desrespeitam os direitos à cidadania, na qual a falta de aceitação e de confiança estão ganhando mais espaço que os valores e atitudes que proporcionam o crescimento da pessoa e o desenvolvimento da consciência crítica. A referida pesquisa é do tipo qualitativa, procedendo-se por meio de pesquisa bibliográfica, fundamentada nas teorias de Carl Rogers e Paulo Freire, nos conceitos formulados por eles para uma prática pedagógica que norteie a Aprendizagem Significativa. O percurso investigativo contou com embasamento em outros autores que estudam e analisam a biografia e o pensamento Rogeriano e Freireano, dentre eles, Justo (2002, 1978), Fonseca (2006), Moreira (2010), Leitão (1986), Campos (2017, 2005), Tassinari (1995), Freire A. (2017) e Gadotti (2010, 2001). As teorias abordadas neste trabalho ainda são atuais, pois ao longo do tempo não foram esquecidas e são interpretadas e praticadas pelos seus estudiosos de acordo com as necessidades históricas, sociais, culturais e políticas, porém precisam chegar às escolas de maneira mais enfáticas e eficazes, para além dos discursos.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2353907 - CEZAR LUIS SEIBT
Interno - 2299112 - JOSE VALDINEI ALBUQUERQUE MIRANDA
Externo à Instituição - ROGÉRIO JOSÉ SCHUCK
Notícia cadastrada em: 24/09/2018 10:25
SIGAA | Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação (CTIC) - (91)3201-7793 | Copyright © 2006-2024 - UFPA - bacaba.ufpa.br.bacaba2