News

Banca de DEFESA: VILMA DO SOCORRO BARROSO MIRANDA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: VILMA DO SOCORRO BARROSO MIRANDA
DATA: 30/04/2018
HORA: 14:00
LOCAL: Sala 001 - Predio orlando Cassique - Campus Cametá
TÍTULO:

CURRÍCULO E IDENTIDADE CULTURAL A VIDA COTIDIANA COMO BASE PARA A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO ESCOLAR


PALAVRAS-CHAVES:

Currículo, cultura, ideologia


PÁGINAS: 180
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
SUBÁREA: Currículo
RESUMO:

A pesquisa intitulada Currículo e Identidade Cultural a vida cotidiana como base para a construção do conhecimento escolar se fundamentou na necessidade de identificar, analisar e compreender a estrutura da matriz curricular da disciplina história da Escola de Cametá - Tapera e os impactos no processo de ensino e aprendizagem dos alunos das séries finais do Ensino Fundamental. Assim, como encaminhamento para o estudo, determinou-se como objeto da pesquisa o conhecimento escolar, pois o consideramos como tema central do campo do currículo. Desta feita, a pesquisa analisou o currículo oficial da disciplina história do ensino fundamental maior 6º ao 9º ano usado na escola Municipal de Ensino Fundamental de Cametá-Tapera e sua inter-relação com a identidade cultural da comunidade de Cametá-Tapera aqui reconhecida como a vida cotidiana, a experiência vivida, o trabalho e as relações sociais. O objetivo geral buscou analisar o currículo de história da escola de ensino fundamental de Cametá – Tapera, a partir de processos de integração ou não entre o prescrito na institucionalidade escolar e a vida cotidiana dos discentes, numa perspectiva de se fortalecer ou não as identidades de classe dos sujeitos presentes nos processos formativos de ensino e de aprendizagem. A partir do objetivo geral definimos como objetivos específicos a saber: Analisar a proposta curricular da disciplina história das séries finais  da Escola de Ensino Fundamental  de Cametá–Tapera sob a perspectiva dos livros didáticos utilizado na escola; Analisar a proposta curricular  da Escola do ensino fundamental de Cametá - Tapera a luz das Diretrizes Curriculares Nacionais da Educação Básica; analisar os projetos pedagógicos, realizado na escola, como parte da proposta curricular, identificando a ligação que estes fazem com a realidade dos alunos; verificar como os procedimentos curriculares – teórico e prático –  se efetivam na sala de aula, identificando se há integração entre os saberes locais dos sujeitos da aprendizagem e o conteúdo da disciplina história.  O eixo epistemológico da pesquisa se deu a partir do enfoque crítico-dialético e considerou a ação como a categoria epistemológica fundamental para a explicação científica.  O método de pesquisa se pautou no materialismo histórico dialético e analisou o objeto pesquisado em sua totalidade e a percepção da sociedade através da negação e das contradições sociais. A pesquisa realizada concluiu que não há integração entre os conhecimentos curriculares e as experiências cotidianas dos alunos da escola de Cametá Tapera na disciplina história, nesse sentido os alunos percebem o conhecimento escolar isolado de suas realidades e por isso vazio e sem significados para suas vidas práticas. Nesse contexto a não integração entre os conhecimentos se traduz na causa principal de desinteresse por parte dos alunos no processo ensino aprendizagem. Todo trabalho investigativo partiu de reflexões do campo de estudos curriculares e culturais, uma vez que as identidades históricas culturais se encontram no centro das proposições curriculares e das disposições culturais que a pesquisa investigou. 


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 2321894 - DORIEDSON DO SOCORRO RODRIGUES
Presidente - 2190546 - GILMAR PEREIRA DA SILVA
Externo à Instituição - MARIA DAS GRAÇAS DA SILVA
Notícia cadastrada em: 11/04/2018 10:57
SIGAA | Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação (CTIC) - (91)3201-7793 | Copyright © 2006-2024 - UFPA - jatoba.ufpa.br.jatoba2