News

Banca de QUALIFICAÇÃO: DELCILENE SANCHES FURTADO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: DELCILENE SANCHES FURTADO
DATA: 15/09/2016
HORA: 10:00
LOCAL: Campus de Cametá - Sala 001
TÍTULO:

O processo de implementação do PNAIC no contexto municipal de Cametá-Pá: a formação docente entre o prescrito e o realizado


PALAVRAS-CHAVES:

Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa; Formação docente; Alfabetização; Professor alfabetizador.


PÁGINAS: 135
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
RESUMO:

Esse estudo tem como objeto o Eixo “Formação Continuada para Professores Alfabetizadores e seus Orientadores de Estudo” contido no PNAIC e como lócus o município de Cametá-Pá. Busca analisar a concepção de formação docente inscrita no PNAIC e a proposição desta no que tange à função social a ser desempenhada pelo professor alfabetizador, analisando como a Secretaria Municipal de Educação de Cametá-Pá executou tal proposta, refletindo se ela limitou-se a reproduzi-la ou apresenta elementos que indiquem uma ruptura frente às determinações do programa. Para isso utiliza-se das contribuições do Materialismo Histórico-Dialético por este se apresentar como uma possibilidade teórica que busca desvelar o conjunto de relações que determinam o objeto em estudo, sendo uma pesquisa caracterizada por uma abordagem qualitativa. Inicialmente o caminho da investigação se pautou pelo levantamento, definição e análise dos documentos e cadernos de formação utilizados pelo programa e um levantamento sobre os estudos já realizados sobre o PNAIC. Concomitantemente foi-se reunindo um referencial teórico que possa nos aproximar do nosso objeto por meio de sua apreensão numa perspectiva crítica. Definimos, então, quatro categorias de para desenvolvimento de nossa linha de investigação: PNAIC, Formação docente, Alfabetização na perspectiva do letramento e professor alfabetizador. O estudo terá continuidade com a pesquisa de campo para coleta de dados por meio da aplicação de entrevistas semiestruturadas. A trajetória de investigação já percorrida aponta inicialmente que o PNAIC nasceu num contexto que representa a continuidade dos princípios e diretrizes que subsidiaram o projeto de reforma educacional a partir da década de 1990 adotando uma engenharia na qual o governo cria num mesmo programa estratégias distintas corporificadas em seus eixos de atuação, dentro dos quais a formação docente é o principal, que estão subordinados ao projeto de qualidade de viés economicista e ao ideário pedagógico adotado pelo governo expressado pela pedagogia do ‘aprender a aprender’. Que a concepção de formação docente incorporada é o da racionalidade prática cuja matriz teórica se fundamenta pelo modelo teórico do construtivismo, pela pedagogia do professor reflexivo e pela pedagogia as competências. Que, em sintonia com esta, adota o conceito de alfabetização na perspectiva do letramento se constituindo como um instrumental no qual a alfabetização é uma tecnologia ou técnica de leitura e escrita utilizando-se do aporte teórico da psicogênese da língua escrita tentando ao mesmo conciliar teorias distintas e contraditórias como o construtivismo de Piaget e a teoria histórico-cultural de Vygotsky desconsiderando as grandes oposições existente entre ambos. Considera-se, portanto, que os fundamentos teóricos que subsidiam o processo de alfabetização proposto pelo PNAIC carregam consigo um grande teor despolitizador, tanto da própria essência da alfabetização como das ideias que poderiam vicejar em seu interior uma proposta capaz de considerar este processo no âmbito de uma perspectiva histórico-social que afirmasse o ato do ensino, valorizando os processos de apropriação e objetivações humanas.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 2321894 - DORIEDSON DO SOCORRO RODRIGUES
Presidente - 146.656.202-10 - GILMAR PEREIRA DA SILVA - UFRN
Notícia cadastrada em: 25/08/2016 16:58
SIGAA | Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação (CTIC) - (91)3201-7793 | Copyright © 2006-2024 - UFPA - jatoba.ufpa.br.jatoba1