News

Banca de DEFESA: ADJALMA NASCIMENTO RAMOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ADJALMA NASCIMENTO RAMOS
DATA: 30/06/2022
HORA: 09:00
LOCAL: Cametá
TÍTULO:

Um estudo sobre o Currículo da Escola Comunitária Casa Familiar Rural do Município de Breves: uma análise dos impactos produzidos pelos arranjos curriculares formativos na turma egressa de 2013


PALAVRAS-CHAVES:

Currículo; Produção e Reprodução; Educação do Campo; Modos de vida.


PÁGINAS: 137
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
RESUMO:

A presente pesquisa busca oportunizar reflexões sobre os impactos do currículo da escola CFR na vida dos alunos egressos de 2013. Como problemática de pesquisa trago a seguinte indagação: De que forma os arranjos curriculares da CFR impactaram na vida social dos alunos egressos do Curso Técnico em Floresta, levando em consideração suas atuações em sociedade enquanto alunos já formados a partir do ano de 2013? O estudo objetiva analisar os impactos gerados pelos arranjos curriculares formativos, implementados no período de 2011 a 2013 pela Escola CFR na vida dos egressos, levando em consideração suas percepções enquanto alunos já formados. Para alcançar o objetivo geral proposto, tem-se ainda quatro objetivos específicos, a quais apresentamos: 1) Refletir acerca do currículo formal, descrevendo suas implicações para a formação cidadã, considerando os sentidos da Produção e da Reprodução da escola em sociedade; 2) Compreender a partir do PPP, de que forma o currículo dialogou com os modos de vidas dos ribeirinhos no contexto da Educação do Campo; 3) Identificar os impactos gerados pelo currículo escolar na vida dos egressos em sociedade, a partir das suas concepções enquanto alunos já formados e 4) Analisar as vozes silenciadas dos principais atores no processo de formação dos jovens egressos. O referencial teórico utilizado enquanto base na produção dos capítulos introdutórios giram no entorno das contribuições de alguns autores como: Moreira, Silva (1999); Petitat (1994); Brandão (1988); Gil (2008); Hage (2006); Lopes, Macedo (2010). Quanto a metodologia, optou-se por uma abordagem qualitativa com ênfase na Pesquisa Participante, por entendermos que essa estratégia de investigação possibilita mais a compreensão e o aprofundamento das especificidades e das necessidades básicas das populações camponesas, das populações tradicionais e dos agricultores. No caso da pesquisa em tela o fenômeno a ser investigado, em específico, é os impactos produzidos mediante a implementação dos arranjos curriculares formativos da Escola CFR na vida dos alunos egressos. Incluindo ainda nesse processo metodológico a pesquisa de campo, a entrevista semiestruturada, o questionário semiaberto, esses instrumentos são fundamentais na coleta de dados. O material produzido parcialmente na interação de campo, foi posto em apreciação através da análise documental. As reflexões teóricas presente no texto, permitem indicar que o currículo de uma instituição educacional pode ser materializado de forma crítica, reflexiva e autônoma, tornando a escola produtivista. Entretanto, essa mesma instituição pode implementar um currículo automatizado, técnico e acrítico, fazendo a manutenção da sociedade capitalista. Nesse sentido a escola tona-se dualista na sociedade, pois pode praticar um currículo na linha produtivista ou na linha reprodutivista, ou nas duas linhas de forma concomitante, ou mais ainda tencionando de forma negativa somente para a vertente reprodutivista, essa premissa torna-se um agravo no campo educacional.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1769176 - ERALDO SOUZA DO CARMO
Presidente - 263.026.912-49 - MARA RITA DUARTE DE OLIVEIRA - UFC
Externo ao Programa - 2558010 - ROSANGELA DO SOCORRO NOGUEIRA DE SOUSA
Notícia cadastrada em: 29/06/2022 14:49
SIGAA | Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação (CTIC) - (91)3201-7793 | Copyright © 2006-2024 - UFPA - bacaba.ufpa.br.bacaba1