News

Banca de QUALIFICAÇÃO: RUBENS DA COSTA FERREIRA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: RUBENS DA COSTA FERREIRA
DATA: 26/06/2015
HORA: 10:00
LOCAL: SALA 001 - PPGEDUC - CAMETÁ-PA
TÍTULO:

O PROCESSO DE FORMAÇÃO DOS TRABALHADORES TÉCNICO-ADMINISTRATIVOS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ: UMA INVESTIGAÇÃO SOBRE AS AÇÕES DE QUALIFICAÇÃO DO CAPACIT/UFPA DESTINADAS AO CAMPUS DE CAMETÁ


PALAVRAS-CHAVES:

capacitação, trabalho, educação, omnilateralidade.


PÁGINAS: 95
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
RESUMO:

O presente trabalho expõe elementos iniciais de uma pesquisa cuja proposta é analisar como se configura o processo de formação dos servidores técnico-administrativos da UFPA/Campus de Cametá no que tange aos cursos de capacitação desenvolvidos pelo CAPACIT/UFPA, tentando identificar se essa formação se apresenta em uma perspectiva unilateral, pragmática ou em uma perspectiva omnilateral. O texto divide-se em quatro capítulos, apresentados da seguinte forma: caracterização do locus de pesquisa e procedimentos metodológicos; categorias de análise, a partir da revisão bibliográfica; constituição e organização administrativa do Estado e a evolução do funcionalismo público; uma análise dos levantamentos documentais realizados até o momento. No primeiro capítulo são apresentados os lócus de pesquisa que são o CAPACIT/UFPA e o Campus de Cametá, bem como os procedimentos que norteiam a efetivação da pesquisa, esta realizada em uma abordagem qualitativa do tipo descritivo analítica, cujo método de análise é o materialismo histórico e dialético e o tratamento de dados feito a partir da análise de conteúdo. No segundo capítulo é realizada revisão bibliográfica sobre as principais categorias de análise, tais como capacitação, qualificação, gestão gerencial, unilateralidade, omnilateralidade, emancipação e capital humano. No terceiro capítulo faz-se uma análise sobre a constituição e organização administrativa do estado brasileiro e a evolução do funcionalismo público, destacando os três modelos de administração pública: patrimonialista, burocrática e gerencial para relacionar-se às características do servidor público enquanto sujeito histórico-social. No quarto capítulo apresenta-se uma análise sobre os documentos que regem a política nacional de qualificação técnica-administrativa, bem como os documentos, no âmbito da UFPA, que tratam da qualificação desses sujeitos, cuja análise preliminar nos permitiu constatar que as diretrizes para a capacitação dos servidores técnico-administrativos da UFPA pautam-se em um princípio de formação unilateral, através da gestão por competência, fomentada pela administração pública gerencial.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 2321894 - DORIEDSON DO SOCORRO RODRIGUES
Presidente - 146.656.202-10 - GILMAR PEREIRA DA SILVA - UFRN
Notícia cadastrada em: 03/06/2015 11:10
SIGAA | Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação (CTIC) - (91)3201-7793 | Copyright © 2006-2024 - UFPA - jatoba.ufpa.br.jatoba1