Notícias

Banca de DEFESA: ROMARIO RUI NATIVIDADE DA NATIVIDADE

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ROMARIO RUI NATIVIDADE DA NATIVIDADE
DATA: 06/02/2024
HORA: 14:30
LOCAL: SALA 07 DO PREDIO MULTIUSO ILC/IFCH
TÍTULO:

PRÁTICAS DE LINGUAGEM EM UMA PERSPECTIVA VALORATIVA: O GÊNERO PARÓDIA NO 9º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL


PALAVRAS-CHAVES:

Práticas de linguagem. Valoração. Gênero discursivo paródia. Dialogismo.


PÁGINAS: 214
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Letras
RESUMO:

Compreendemos a paródia musical como gênero do discurso por se tratar de um enunciado concreto que se organiza na esfera social e cotidiana, a apresentar conteúdo temático, estrutura composicional e estilo, a conformar valorações discursivas. Assim, à luz da Linguística Aplicada, esta pesquisa consiste em um estudo teórico-prático da composição dialogizada e valorada do discurso na produção escrita e oral de paródias por alunos do 9º ano do Ensino Fundamental. Tem como objetivo geral refletir sobre a mobilização de vozes sociais valorativas na produção de paródias por alunos do 9º ano, com o intuito de contribuir para o desenvolvimento da consciência socioideológica discente. A investigação, vinculada ao Projeto de Pesquisa O dialogismo e as práticas de linguagem no processo de ensino e aprendizagem de Língua Portuguesa, da Universidade Federal do Pará (UFPA), fundamenta-se na concepção dialógica de linguagem e língua, a partir de sua abordagem sociológica e valorativa, pressupostos teóricos discutidos nos estudos do Círculo de Bakhtin (Bakhtin, 2011 [1979]; Volóchinov, 2017 [1929]; Volóchinov, 2019 [1926], dentre outros). Assim, partimos do seguinte questionamento: De que forma se dá o arranjo valorativo das vozes sociais nas paródias produzidas por esses alunos? A pesquisa caracteriza-se como qualitativo-interpretativa, de cunho etnográfico e se configura em uma pesquisa-ação, organizada a partir dos seguintes passos metodológicos: a) elaboração e implementação de uma atividade diagnóstica com a turma; b) análise dos dados gerados na fase diagnóstica; c) elaboração de uma proposta de intervenção para o trabalho com o gênero paródia, considerando os eixos leitura, oralidade e escrita, a partir dos resultados da análise diagnóstica; d) implementação da proposta de intervenção na turma, seleção e análise os dados gerados; e) elaboração de um Produto Educacional. Na análise diagnóstica, os resultados demonstraram que a maioria dos discentes têm conhecimento acerca do gênero paródia, bem como evidenciaram indícios de produção valorada e de consciência socioideológica nos enunciados produzidos. A partir desses resultados, elaboramos e implementamos a proposta de intervenção, organizada em: a) atividades de leitura (já-ditos, leitura do enunciado concreto, dimensão social, dimensão verbal); b) atividades de produção textual escrita (características do gênero paródia, produção textual escrita, revisão e reescrita); c) gravação e regravação das paródias: a oralidade em foco (leitura entonativa, gravação, escuta e regravação). Implementada a proposta, analisamos os dados gerados a considerar quatro princípios orientadores suscitados pelos 23 enunciados produzidos: a) vozes sociais antirracistas; b) valoração de combate ao racismo; c) responsividade social; d) marcas de dizer próprio. Os resultados da análise demonstram que 13 estudantes mobilizam vozes sociais antirracistas, 14 apresentam valoração de combate ao racismo, 20 evidenciam responsividade social, dez constituem dizer próprio, a demonstrar, dessa forma, consciência socioideológica. Por último, produzimos um produto educacional, em formato de protótipo didático, a ser disponibilizado na plataforma educapes.capes.gov.br, como material de apoio para docentes de Língua Portuguesa.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 2834703 - ISABEL CRISTINA FRANÇA DOS SANTOS
Presidente - 1766802 - MARCIA CRISTINA GRECO OHUSCHI
Externo à Instituição - TEREZINHA DA CONCEIÇÃO COSTA-HÜBES
Notícia cadastrada em: 25/01/2024 21:52
SIGAA | Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação (CTIC) - (91)3201-7793 | Copyright © 2006-2024 - UFPA - jatoba.ufpa.br.jatoba2