Notícias

Banca de DEFESA: SAMILLE CRISTINA PIEDADE COSTA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: SAMILLE CRISTINA PIEDADE COSTA
DATA: 23/02/2021
HORA: 10:00
LOCAL: GOOGLE MEET
TÍTULO:

CÁLCULO DE PERDAS TÉCNICAS E NÃO TÉCNICAS EM REDES DE DISTRIBUIÇÃO: UMA ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE AS METODOLOGIAS DA ANEEL E DA IMPEDÂNCIA EQUIVALENTE OPERACIONAL


PALAVRAS-CHAVES:

CÁLCULO DE PERDAS TÉCNICAS E NÃO TÉCNICAS EM REDES DE DISTRIBUIÇÃO: UMA ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE AS METODOLOGIAS DA ANEEL E DA IMPEDÂNCIA EQUIVALENTE OPERACIONAL


PÁGINAS: 50
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Elétrica
RESUMO:
Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) vem desenvolvendo ao longo dos anos uma metodologia única e original para o tratamento regulatório das perdas de energia no Brasil, tratando em regulações distintas as perdas técnicas e as perdas não técnicas. As perdas técnicas são calculadas de acordo com os procedimentos definidos no Módulo 7 dos Procedimentos de Distribuição de Energia Elétrica no Sistema Elétrico Nacional (PRODIST), cuja metodologia consiste basicamente no cálculo do fluxo de carga utilizando informações extraídas do banco de dados da distribuidora, considerando modelos específicos para elementos do sistema como medidores e ramais de ligação. Já as perdas não técnicas, são calculadas de acordo com as regras descritas no Submódulo 2.6 dos Procedimentos de Regulação Tarifária (PRORET). Diversas metodologias foram objeto de estudo no setor elétrico com objetivo de realizar o cálculo das perdas técnicas e não técnicas, soluções que envolvem desde fluxo de carga até o uso de ferramentas de inteligência computacional. Neste sentido, esta dissertação tem como objetivo fazer uma análise comparativa entre a metodologia de calculo de perdas desenvolvida pela ANEEL e a Metodologia da Impedância Equivalente Operacional (IEO), método que possibilita calcular com boa precisão e baixo custo computacional as perdas técnicas e não técnicas em redes de distribuição sob diferentes condições operativas. Os algoritmos de cálculo foram implementados no software Open Distribution System Simulator (OpenDSS) e foram realizadas simulações em um alimentador real pertencente à área de concessão da distribuidora de energia do Estado do Pará, para a verificação do cálculo de perdas técnicas e não técnicas.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ALVARO AFONSO FURTADO LEITE
Interno - 2517790 - CAROLINA DE MATTOS AFFONSO
Interno - 2153063 - MARIA EMILIA DE LIMA TOSTES
Externo à Instituição - THIAGO MOTA SOARES
Presidente - 326021 - UBIRATAN HOLANDA BEZERRA
Notícia cadastrada em: 18/12/2020 11:41
SIGAA | Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação (CTIC) - | Copyright © 2006-2022 - UFPA - jatoba.ufpa.br.jatoba1