Notícias

Banca de DEFESA: ULISSES CARVALHO PAIXÃO JUNIOR

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ULISSES CARVALHO PAIXÃO JUNIOR
DATA: 19/11/2018
HORA: 09:00
LOCAL: Auditório do Centro de Excelência em Eficiência Energética da Amazônia - CEAMAZON
TÍTULO:

Comparação das Técnicas Computacionais de Regressão Linear, Redes Neurais Artificiais e Árvore de Decisão para Identificação da Distorção Harmônica em Redes Elétricas de Distribuição


PALAVRAS-CHAVES:

Técnicas computacionais; Qualidade de energia elétrica; Distorções harmônicas de tensão e de corrente


PÁGINAS: 150
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Elétrica
RESUMO:

Nos últimos anos, o desenvolvimento socioeconômico da população, o crescimento dos setores comercial e industrial, assim como a instalação cada vez mais crescente de novas cargas, têm gerado grande evolução na demanda do consumo de energia elétrica. Por sua vez, buscando obter sistemas mais eficientes, os fabricantes de equipamentos têm produzido produtos cada vez mais rápidos e energeticamente mais eficientes para utilização residencial, comercial e industrial. No entanto, essas cargas, devido à sua não linearidade, têm contribuído significativamente para o aumento dos níveis de distorção harmônica de tensão e corrente. No presente trabalho dá-se ênfase no ponto de acoplamento comum (PAC) de dois grandes consumidores, que possuem diferentes características de consumo e cargas, com o intuito de avaliar os impactos harmônicos em sua rede por meio de técnicas computacionais, além de comparar o nível de confiabilidade das técnicas por meio do erro absoluto médio (EAM). As análises são baseadas em medições reais em uma universidade e um polo industrial, realizadas com período mínimo amostral de sete dias através de analisadores de qualidade de energia elétrica (QEE), conforme procedimentos de qualidade nacional. A metodologia proposta utiliza as técnicas de Regressão Linear, Redes Neurais Artificiais e Árvore de Decisão para avaliar a contribuição harmônica de cada alimentador no ponto de interesse das redes elétricas escolhidas. Como resultado da QEE, verificou-se o quanto cada alimentador impacta a distorção de tensão e corrente no PAC, além de classificar os alimentadores com relação a seu respectivo impacto na rede elétrica estudada. Também como resultado, o estudo propiciou a comparação das três técnicas entre si, com diferentes intervalos de tempo (semanal, diário e por patamar de carga), permitindo classificar o comportamento e a confiabilidade de cada técnica em cada período. Como conclusão do trabalho, os métodos propostos e as análises apresentadas dão subsídios aos gestores para efetuar uma ação mitigadora mais eficiente dos impactos harmônicos causados na rede elétrica e, também, identificar as diferenças entre as técnicas e seu grau de confiabilidade, de acordo com os intervalos temporais estudados.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2153063 - MARIA EMILIA DE LIMA TOSTES
Interno - 1548213 - JOAO PAULO ABREU VIEIRA
Interno - 326021 - UBIRATAN HOLANDA BEZERRA
Externo ao Programa - 326263 - EDSON ORTIZ DE MATOS
Externo à Instituição - ANDERSON ALVARENGA DE MOURA MENESES
Notícia cadastrada em: 18/10/2018 15:17
SIGAA | Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação (CTIC) - | Copyright © 2006-2022 - UFPA - castanha.ufpa.br.castanha2