Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: MARIA NILMA DA SILVA FONSECA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARIA NILMA DA SILVA FONSECA
DATA: 20/01/2017
HORA: 14:00
LOCAL: A DEFINIR
TÍTULO:

Esquemas de Compressão de Dados Digitais para Redes de Acesso Móveis


PALAVRAS-CHAVES:

Compressão de Dados; IQ; LTE;C-RAN


PÁGINAS: 99
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Elétrica
SUBÁREA: Telecomunicações
RESUMO:

Conceitos para a próxima geração de redes móveis, atualmente chamada de 5G pelo grupo de padronização do 3GPP (Third-Generation Partnership Project), estão em ampla discussão por representantes da academia e indústria. Um dos principais desafios é lidar com as crescentes taxas de dados necessárias para as inúmeras aplicações e serviços novos de informação e entretenimento sendo disponibilizados continuamente. Observa-se que os requisitos de demanda de taxas de dados têm aumentado aproximadamente de uma ordem de magnitude a cada nova geração de um sistema de comunicação. Para lidar com essas crescentes demandas, uma nova arquitetura de redes muito densas com células pequenas (small cells) e processamento centralizado, chamada CRAN (cloud or centralized radio access network), é considerada promissora. Na arquitetura de uma possível C-RAN, dispositivos REs (remote equipments ou RRHs - remote radio heads) são conectados a centros de dados (data centers) onde a maior parte do processamento em banda base pode ser compartilhado entre dispositivos BBUs (base band units). A centralização do processamento permite o gerenciamento dos pontos de acesso dos REs para lidar com as flutuações espaço-temporais de tráfego de dados, e também evitar mais eficientemente as interferências entre as múltiplas células próximas. Este trabalho tem como objetivo propor esquemas de compressão aplicáveis às amostras digitais em banda base transmitidas entre REs e BBUs. Considera-se que no atual padrão de fronthaul de LTE (long-term evolution) do 3GPP as amostras de sinal são transmitidas em banda base digital entre BBUs e RRHs (ou REs), onde são convertidas em sinais de radio frequência para os equipamentos de usuários - quando em sentido de downlink, ou reconvertidas de radio frequência para amostras digitais em uplink. O principal esquema já investigado é baseado na transformada matemática DCT (discrete cosine transform). O esquema foi concebido de forma a reduzir o número médio de bits de representação das amostras e, portanto, possibilitar a redução do tráfego de dados total, porém sem introduzir distorções significativas. Para avaliar o método foram considerados requisitos de qualidade de sinal recomendados pelo 3GPP. O desempenho foi avaliado em ambos os sentidos de transmissão ao longo da estrutura de uma C-RAN:
uplink e downlink.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1176325 - ALDEBARO BARRETO DA ROCHA KLAUTAU JUNIOR
Externo à Instituição - EDUARDO ANTONIO BARROS DA SILVA
Interno - 326156 - EVALDO GONCALVES PELAES
Externo à Instituição - JOHELDEN CAMPOS BEZERRA
Externo ao Programa - 2453419 - RONALDO DE FREITAS ZAMPOLO
Notícia cadastrada em: 02/12/2016 10:10
SIGAA | Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação (CTIC) - | Copyright © 2006-2022 - UFPA - bacaba.ufpa.br.bacaba2