Notícias

Banca de DEFESA: DOMINGOS CONCEICAO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: DOMINGOS CONCEICAO
DATA: 29/08/2017
HORA: 09:30
LOCAL: Sala KP11-PPGSS/ICSA/UFPA
TÍTULO:

MOVIMENTO NEGRO EM BELÉM: AÇÃO COLETIVA DE COMBATE AO RACISMO E DEFESA DE NEGRAS E NEGROS


PALAVRAS-CHAVES:

Movimento Negro, combate ao racismo e contestação social


PÁGINAS: 157
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Serviço Social
SUBÁREA: Serviço Social Aplicado
RESUMO:

O objeto de estudo desta dissertação é a ação coletiva de combate ao racismo e defesa de negras e negros, cujo objetivo central é investigar, sistematizar e analisar a prática da ação coletiva de combate ao racismo e defesa de negras e negros em Belém do Pará no período de 1995 a 2013. A metodologia, o método e as técnicas de pesquisa seguiram a base teórica. O método utilizado é o marxista e a metodologia dar-se pelo procedimento histórico-sociológico com base na revisão de literatura, na análise bibliográfica e documental; as técnicas usadas foram aplicação de questionário, observações e entrevistas, semiestruturadas e participantes no campo da realidade do Movimento Negro em Belém, articulada com o Movimento Social Negro Brasileiro. Os resultados que chegamos são de que há um Movimento Negro organizado em Belém, mas vivendo num refluxo bastante preocupante e que a prática de uma ação coletiva de combate ao racismo que articule as demais ações, deveria ser feita coletivamente, por todos os movimentos negros. Nossas conclusões são de que a produção desta dissertação é inovadora, importante, relevante para a academia e socialmente, para a formação intelectual de seu autor, cuja mesma pode contribuir com novas pesquisas e com as pesquisas já realizadas sobre a temática do negro em Belém, e mais, chamar a atenção de estudantes negros e não negros, da necessidade de se ter um Movimento Negro atuante, capaz de realizar ações coletivas que aumente a auto-estima da juventude, das mulheres, dos homens, das crianças e se possível de toda a população negra de Belém, para que possa saber os direitos que tem, assegurar os que já conquistou, lutar por novos direitos e forjar estratégias que possa afrontar as classes dominantes e racistas, em tempo e espaço, em que as mesmas, TUDO TIRAM DO POVO, mas os mais afetados são negras e negros, por isso digo: Negras e negros de todo o Brasil unir-vos!!!


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1152642 - MARIA ANTONIA CARDOSO NASCIMENTO
Externo ao Programa - 6672463 - RODRIGO CORREA DINIZ PEIXOTO
Interno - 2434396 - SOLANGE MARIA GAYOSO DA COSTA
Notícia cadastrada em: 28/08/2017 11:27
SIGAA | Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação (CTIC) - | Copyright © 2006-2022 - UFPA - castanha.ufpa.br.castanha2