Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: RAFAELA OLIVEIRA PINHEIRO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: RAFAELA OLIVEIRA PINHEIRO
DATA: 11/07/2019
HORA: 09:30
LOCAL: AUDITÓRIO PAUL LE COINTE
TÍTULO:

A EXTRAÇÃO POR PRENSAGEM DE TANINOS DO CAROÇO DE AÇAÍ E O SEU USO COMO ADSORVENTE NA REDUÇÃO DE ÍONS METÁLICOS DE CROMO


PALAVRAS-CHAVES:

açaí; taninos; compostos fenólicos; adsorção; cromo.


PÁGINAS: 74
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Ciências Ambientais
RESUMO:

O açaí (Euterpe Oleraceae Mart.) tem sido considerado uma espécie frutífera de grande importância, por ser uma palmeira típica da região amazônica, servindo de renda para diversas famílias no Estado do Pará. O cultivo, o comércio do fruto e do palmito de açaí representa uma das principais fontes de renda de famílias ribeirinhas na região, além do próprio consumo do alimento, que faz parte da dieta da população, este fruto gera resíduos que poderiam ser aproveitados de outra forma. Somente na cidade de Belém, os resíduos da produção do açaí têm gerado cerca de 300 toneladas por dia de lixo urbano, sendo descartados na frente dos pontos comerciais, sem uma destinação correta e vem poluindo o meio ambiente. Assim estes resíduos poderiam ser reaproveitados para a extração de compostos importantes como os taninos ou compostos fenólicos, o açaí é um fruto rico em compostos fenólicos, como taninos e antocianinas. Os taninos são muito utilizados no tratamento de águas e efluentes. A contaminação dos recursos hídricos por metais é um dos principais problemas ambientais, onde a adsorção tem sido muito utilizada para tratamento de efluentes contendo íons metálicos, sendo sua principal limitação o custo elevado do carvão ativo, principal fase sólida empregada. Por isso, o objetivo da presente pesquisa foi de realizar a extração por prensagem de taninos presentes no caroço de açaí, dando uma utilização para este resíduo sólido urbano, e fazer a caracterização desse extrato que será usado como adsorvente de íons metálicos de Cromo (VI) em solução sintética em laboratório, sendo para isso realizado um planejamento experimental.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2278490 - DAVI DO SOCORRO BARROS BRASIL
Interno - 071.100.732-20 - GILMAR WANZELLER SIQUEIRA - USP
Externo à Instituição - ELZA BRANDAO SANTANA
Notícia cadastrada em: 09/07/2019 11:38
SIGAA | Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação (CTIC) - | Copyright © 2006-2022 - UFPA - castanha.ufpa.br.castanha2